Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Não, mas agora a sério...

Estava a gozar.

Não, mas agora a sério...

Estava a gozar.

07.Jul.18

Portugal está fora do Mundial, mas nem tudo é mau

Qualquer estudante da UC que se preze sabe bem o bem que soube Portugal estar fora do Mundial. 

Não é fácil querer estudar, mas ter aqueles amigos (outrora estudantes da UC) que vos puxam para ver um "joguito rápido" que todos sabemos durar 90 min + tempo de destilação dos finos que emborcaste por conta da pressão social. Menos fácil ainda é querer estudar em espaços destinados para tal, como a sala de estudo da AAC, mas teres toda uma discoteca instalada ao lado, com o pessoal que já tá de férias, ou que sempre esteve e estará até desistir de completar o curso de alguma coisa e irem trabalhar ou viver à custa dos pais... é o que todos estamos a fazer, não é? Pior que isso tudo, é ter um exame à hora do jogo: não imaginam a injustiça que é saber que não podemos escolher ir ver uns chutos na bola, beber umas jolas e sentirmo-nos culpados porque deveríamos estar a estudar. É sentir que não somos donos de nós próprios para desgraçarmos a nossa vida. É sentirmos que nos andam a controlar. E andam, mas não falemos sobre isso agora.

 

 

Com a saída de Portugal do Mundial tudo isto acaba e o mundo volta a ser um lugar mais justo. A paz retornou às salas de estudo e às ruas... principalmente à noite. Agora podemos fazer aquelas raves até as 4/5/6 hrs da manhã sem ter que levar com a musica alta dos bares da praça e bêbedos a buzinar e a gritar "PORTUGAL". Assim, com a paz reinstalada só levamos com a musica alta dos bares.

 

 

Portanto, antes de se revoltarem com o Fernando e afins, pensem que o homem afinal sabia que isto não estava a ser produtivo para o futuro do país e só quis fazer um favor à malta. É um herói! Se não quiserem pensar assim, pensem que "daqui a 4 anos há mais".Os estudantes gostam de pensar dessa forma.